PT ES EN
Internacional
Publicidade
Parceria
GettyImages
AFP

Internacional

Sport Club Internacional

Confederação Brasileira de Futebol - CBF

Data de fundação: 04/04/1909

Apelidos: Colorado

Cidade: Porto Alegre, RS

Site oficial: www.internacional.com.br

História:

O Sport Club Internacional é também conhecido como “Campeão de Tudo” pelas glórias conquistadas em mais de 100 anos de existência. Para explicar a origem do clube é preciso entender a época de sua fundação. Na primeira década do século XX, o governo havia determinado a criação de espaços públicos para práticas esportivas com o objetivo de formar jovens para o Exército. Os irmãos José e Luiz Poppe, tinham o desejo de jogar futebol e com a ajuda de Henrique, o irmão mais velho, uniram o “útil ao agradável” e no dia 04 de abril de 1909, fundaram o Internacional – criado para ser um clube para brasileiros e estrangeiros. Com 18 anos, João Leopoldo Seferin, que emprestara o porão da casa do pai para a reunião, foi eleito o presidente.


O primeiro campeonato gaúcho vencido pelo Colorado foi em 1927 e o segundo em 1934. Mas foi a partir dos anos 40, que o clube começou a se tornar o maior campeão do Rio Grande do Sul (43 títulos estaduais até 2014), se tornando hexacampeão em 1945. Entre os anos de 1969 e 1976, o Internacional alcançou o octacampeonato gaúcho, recorde absoluto no Estado – em 1974 foram 18 jogos e 18 vitórias. No entanto, o período não se resumiu às conquistas regionais. Também em 1969, foi inaugurado o Beira-Rio, a casa do Colorado. Na década de 70 surgiram dois dos maiores ídolos do clube: Paulo Roberto Falcão e Elías Figueroa. Ambos estiveram presentes nos títulos nacionais de 1975 e 1976. O camisa 5 ainda foi o principal jogador do Campeonato Brasileiro de 1979, conquistado de forma invicta pelo Internacional.


Nas décadas de 80 e 90, o Colorado realizou campanhas modestas. Oito estaduais e a Copa do Brasil de 1992 foram os principais títulos do clube gaúcho no período. Em 1999, viveu um dos momentos mais delicados de sua história, ao livrar-se do rebaixamento apenas na última rodada com um gol salvador de Dunga - o Internacional é um dos cinco clubes do Brasil que nunca foram rebaixados à 2ª divisão. A virada do século representou uma era de glórias maiores para o clube gaúcho. Após o polêmico vice-campeonato brasileiro de 2005 (os colorados contestam favorecimento ao campeão Corinthians, sobretudo, devido a arbitragem do confronto direto entre as duas equipes), o Internacional fez valer o seu nome, conquistando duas Libertadores (2006 e 2010), um Mundial (2006) duas Recopas Sul-Americanas (2007 e 2011), uma Copa Sul-Americana (2008) e uma Copa Suruga Bank (2009). Por essas façanhas recebeu um novo apelido: “Campeão de Tudo”.


O Internacional possui cerca de 100 mil associados, sendo o clube de futebol da América com maior número de sócios e com o sexto maior quadro social do mundo. Sua torcida é conhecida pela alcunha de ”colorada”. O vermelho foi adotado em função do título do carnaval porto-alegrense pelo bloco Veneziano, identificado pela camisa rubra. Já o escudo do Internacional sofreu diversas alterações como mudança nas cores do fundo e das iniciais SCI , presença ou não de bordas e utilização de adornos: as estrelas são em alusão às conquistas nacionais e da Libertadores (50% maior que as demais); posteriormente, o distintivo ganhou uma estrela prateada, referente ao Mundial de 2006; os ramos de louro significam a conquista do Campeonato Brasileiro invicto, em 1979; e por fim, a coroa que representa a Tríplice Coroa: Libertadores da América (2006), Fifa Club World Cup (2006) e Recopa Sul-Americana (2007). No ano do seu centenário, o Internacional "limpou"o seu escudo que não traz mais adornos. 

Veja também

Google+