Raimundinho

Raimundinho era o craque do time da sua cidade. Camisa 10 habilidoso, de toque fácil, força física, bela visão de jogo e mau na hora que precisava. Era o terror dos adversários e das torcidas adversárias, que o xingavam todo jogo. Ele nem ligava, respondia com gols.

Raimundinho era apaixonado por Dalva, a mulher mais bonita e desejada da região. Antes de toda partida, Dalvinha, como era conhecida, ia até o vestiário dar um beijo de boa sorte em Raimundinho. Era batata, gol na certa ou melhor em campo. Disso ninguém duvidava.

Mas na última partida do campeonato regional, Dalvinha não apareceu. Raimundinho, apreensivo, não pode fazer nada. Aqueceu e entrou em campo. Lá do meio, antes de começar o jogo, avistou sua amada acompanhada do cartola do time adversário. Foi de partir o coração. Resultado, cinco a zero, cinco de Raimundinho, campeão. Acabou com o jogo e, no dia seguinte, com a carreira.

Categorias: OpiniãoPágina inicial

André Fidusi

Publicitário e jornalista por formação, ilustrador por vocação. Futebol na veia. Quem pede recebe, quem desloca tem preferência. Pegar de pé é dibra. Vamo que vamo!

Veja todos os posts de

Veja também:

  • NOVO CALENDÁRIO DO FUTEBOL BRASILEIRO

    Relacionar o patrocinador ao clube de uma forma inteligente e que faça sentido para o torcedor possibilitará a manutenção desse ecossistema, sustentado por um calendário que se preocupe com a sua principal força de trabalho.

  • Mundo real e mundo virtual: não precisamos abdicar de um para estar no outro

    O não entendimento da relação entre Arte e NFT na comercialização de obras digitais.

  • Varsóvia, 1939: a última partida

    Durante seis anos, entre 1939 e 1945, cada partida de futebol poderia ser a última. E para muitos foi. A história da "Última Partida" em solo polonês antes da II Guerra Mundial.

  • Repensando o Futebol

    O principal objetivo da tecnologia durante o século XXI será humanizar o ser humano. Diante de todos os desafios atuais, tornou-se mais estratégico do que nunca assimilarmos as pistas que existem nos diversos cenários da sociedade para superar essa pandemia.

  • Como Daniel Alves pode mudar o São Paulo?

    A relação entre o craque Daniel Alves e o gigante São Paulo Futebol Clube. A liderança e a grande carreira do lateral bicampeão olímpico serão inspiradores para os jogadores mais novos na segunda metade do Brasileirão?

  • POLÍTICA FC – FUTEBOL, CINEMA E HISTÓRIA

    A importância de inserirmos a política em todos os setores da sociedade, principalmente no esporte, que possui uma função de inclusão social fundamental na história da humanidade.